quinta-feira, 22 de junho de 2017

Reunião. Tasso articula mudanças para a eleição de 2018

Uma reunião organizada pelo senador Tasso Jereissati (PSDB), nessa quarta-feira (21), discutiu mudanças para as eleições de 2018. Segundo informações, foram discutidos mudanças como financiamento público de campanha e voto em lista fechada. Participaram da reunião a maioria dos líderes partidários do Congresso.

Entre as propostas de consenso discutidas pelas lideranças, está a proibição de financiamentos privados de campanhas eleitorais. A decisão quer evitar a distribuição de propinas à políticos por empreiteiras. Com a decisão o Estado deve financiar as campanhas partidárias ao custo de R$ 3,5 bilhões.

As propostas devem fazer parte de um projeto de reforma política a ser encaminhada ao Senado e a Câmara dos Deputados.

Juazeiro. Darlan parte para o tudo ou nada

Decidido a mostrar força contra o Governo Arnon Bezerra, o vereador Darlan Lobo deve ser acusado na Justiça por intimidação ao empresário, que teria sido forçado a desistir da assinatura do contrato do Juaforró. Arnon ficou irritado com esse comportamento do vereador e anunciou que levará o caso às últimas consequências.

O prefeito de Juazeiro deve pedir uma investigação do Ministério Público para comprovar total lisura no processo de licitação do Juá Forró 2017 e cobrar punição pelos prejuízos do Município. Para aumentar a polêmica entre a Prefeitura e o vereador de oposição, o empresário que desistiu de realizar o evento junino está sendo incentivado a falar sobre o motivo de sua atitude.

O confronto teve outros contratempos: ao acompanhar e assumir a defesa do presidente da Associação dos Barraqueiros de Juazeiro, autor da denúncia contra o Juaforró, o vereador Darlan Lobo se envolveu num bate-boca com o jornalista e radialista Roberto Crispim.

Em seguida, em outra emissora, Darlan desqualificou abertamente a liderança do vereador Adauto Araújo. Diante desses episódios, a Câmara de Juazeiro examina a possibilidade de solicitar as imagens e o áudio das rádios para acionar a Comissão de Ética da Casa.

(Coluna Rebate, Jornal do Cariri).

Crato. Florisval teme por seu afastamento

Ao avaliar sua situação e qualificá-la como muito difícil, o presidente da Câmara do Crato, Florisval Coriolano, está ciente do seu provável afastamento do cargo. Sem temer a adoção dessa medida, garantiu a seus colegas de parlamento que nem assim vai renunciar. A decisão dele foi tomada após uma conversa franca com o vice-presidente, vereador Pedro Alagoano.

O teor da reunião não foi revelada, mas Pedro teria garantido que, mesmo em caso de afastamento, daria sequência ao trabalho pela construção da nova sede da Câmara, iniciada por Florisval. Os outros detalhes do acordo firmado entre Florisval e Pedro Alagoano são mantidos em segredo.

O Ministério Público do Crato junta provas para ingressar com ação contra o presidente Florisval. Na Câmara, a defesa do atual presidente continua dizendo que não há o que temer com a investigação.

(Coluna Rebate, Jornal do Cariri).


Jardim. As dificuldades administrativas continuam

Em Jardim, a situação da administração do prefeito Aniziário Costa (PCdoB) parece se agravar a cada mês. Impedido de receber repasses voluntários por pendencias em vários Ministérios, o município acumula demandas e não consegue resolver situações básicas como manter salários dos servidores em dia.

Quando assumiu, o prefeito Aniziário Costa, teve pela frente um atraso salarial de, pelo menos, três meses, incluindo 13º. Conseguiu equacionar ao dividir o atrasado em vários meses. Agora, sem dinheiro e sem arrecadação suficiente, o prefeito começa a atrasar os salários novamente.

Várzea Alegre. 150 dias de administração e nada à comemorar

Curioso o evento preparado pelo prefeito de Várzea Alegre, José Helder, para comemorar os 150 dias de gestão. Igual aos 100 dias, o prefeito se deteve a justificar a paralisação da gestão, argumentando que tem enfrentado dificuldades. Mais uma vez Zé Helder disse que está ajustando a administração para iniciar as ações em benefício da população.

Ou seja, o prefeito chamou a população, os servidores e a imprensa para dizer que não fez nada. Satisfeito com a situação, parece estar o ex-prefeito Vanderlei Freire. Ele estaria questionando a ausência de ações emergenciais como foi prometido durante a campanha eleitoral, além da autorias das poucas obras inauguradas.

O resultado é que a população já sente saudades de Vanderlei. Preocupado com o avanço do ex-prefeito no conceito da população, o prefeito Zé Helder já prepara pesquisa de opinião para saber seu real desgaste.

terça-feira, 20 de junho de 2017


Crato. Sindicato abre processo contra prefeito por improbidade

O Sindicato dos Agentes de Transito e Transportes do Estado do Ceará (Siatrans), ingressou nessa terça-feira (20) com ação na Justiça contra o prefeito do Crato, Zé Ailton Brasil (PP). Segundo o representante do Sindicato no Cariri, Valdir Medeiros, o prefeito não está cumprindo a lei que garante a aplicação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração da categoria.

O projeto foi aprovado e sancionado na gestão do ex-prefeito Ronaldo Mattos, e deveria entrar em vigor a partir de janeiro deste ano. O sindicalista disse que o Sindicato já tentou vários contatos com o prefeito para tratar do assunto, mas a única vez que esteve com o gestor ouviu que, primeiro, teria que ser feito uma análise financeira da administração.

Para o sindicalista, a lei não prevê analise financeira ou impacto na folha. “A lei foi aprovada para ser cumprida e não existe negociação; é cumprir o que ela determina,” disse Valdir Medeiros. O prefeito está sendo processado por improbidade administrativa.

TCM. Contas de Vandevelder julgadas

As contas de gestão do ex-prefeito de Farias Brito, Vandevelder Francelino, foram julgadas pela segunda câmara do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Os ex-gestores, secretários e prefeito, tiveram os processos analisadas e apresentadas pelo relator, Marcelo Feitosa.

O TCM não divulgou o resultado final, o que, levantou uma expectativa na oposição do município. Nos bastidores, vereadores de oposição falam em pressionar a mesa diretora da Câmara para solicitar do processo para análise e votação na Casa. A oposição aposta num resultado negativo do TCM para promover o desgaste político de Vandevelder.

Com as novas regras são necessários dois terços dos votos para desaprovar as contas, independente, do resultado do TCM. A base de situação tem maioria folgada e deve garantir a aprovação na Câmara.

Justiça. Prefeito Giovane Guedes respondendo no Poder

Mesmo depois de decisão pelo seu afastamento, o prefeito de Araripe Giovane Guedes (PR), continua à frente da administração municipal. Segundo informações, Giovane já esperava pela decisão e recorreu à mesma instância da Justiça e espera pelo julgamento do recurso no exercício do cargo.

A decisão final do juiz eleitoral, Herick Bezerra Tavares, deve sair somente no mês outubro. Em caso de mantida a decisão, o prefeito ainda terá o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), em Fortaleza, e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília para recorrer.

Na Câmara a oposição ligada ao ex-prefeito Humberto Germano critica o fato do prefeito continuar no cargo, mesmo com decisão de afastamento. O ex-prefeito Germano foi cassado pelas três instâncias, mas para se manter no poder obteve várias liminares até a decisão final.

Cariri. Prefeitos sem força política

Vítimas de ataques de quadrilhas especializadas em explosão de agências bancárias, os municípios de Araripe, Antonina do Norte e Assaré, devem pagar um alto preço pela insegurança e pouca influência política dos seus gestores. Os três municípios tiveram suas agências e postos avançados do Banco do Brasil destruídos e devem ficar sem os serviços por tempo indeterminado.

Os prefeitos não têm articulação para vencer o argumento da crise econômica e motivar a reconstrução das agencias através de articulações no Governo Federal. A população terá que recorrer a municípios vizinhos como Campos Sales e Santana do Cariri para fazer suas transações financeiras.

Na mesma situação, o município de Missão Velha teve confirmada a reconstrução da sua agencia do BB. Na hora da crise, a força política é que deve resolver.

segunda-feira, 19 de junho de 2017


Articulação. Orçamento 2018 nas Câmaras

Os poderes legislativos do Cariri começam a discutir as Leis de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2018. As mesas diretoras das Câmaras estão montando comissões parlamentares para iniciar os debates, através de Audiências Públicas com participação popular.

É a oportunidade de entidades organizadas e a população em geral conhecerem as intenções das novas gestões e opinarem sobre a distribuição dos recursos. Bancadas de situação e oposição se movimentam para aprovar e/ou retirar emendas ao projeto.

Na maioria dos municípios a proposta do Poder Executivo deve passar com tranquilidade, mas há expectativas de votações apertadas como é o caso de municípios como Milagres, Várzea Alegre e Barbalha. A emenda mais temida pelos prefeitos é a que prevê autorização da Câmara para remanejamento de recursos.

Caririaçu. Edmilson Leite esfriando os ânimos

Diante da possibilidade de novo colapso de água, provocada pela falta de manutenção na adutora de engate rápido, construída pelo Governo do Estado, o prefeito de Caririaçu, Edmilson Leite, tratou de amenizar a crise. Antes da repercussão das críticas da oposição, Edmilson entregou um novo sistema de abastecimento de água para as comunidades do Bom Jardim, Mameluco, Barrado e Mulungu, na zona rural.

O sistema será gerenciado pelo Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (SAMAE), ligado à Prefeitura. Sobre a adutora que abastece o município, os apoiadores do prefeito argumentam que a obra é emergencial e ainda esperam pela promessa do ex-prefeito João Marcos, sobre a adutora definitiva prometida na sua gestão, com apoio de Brasília. Para a base de Edmilson, o ex-prefeito perdeu o interesse. 
TCM. Cai a liminar
A PEC (Projeto de Emenda à Constituição) que extingue o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) vai continuar sua tramitação na Assembleia Legislativa do Ceará. A decisão é do juiz da Fazenda Pública, André Aguiar Magalhães, que decretou a extinção da ação proposta pelo deputado estadual Leonardo Araújo (PMDB). A ação pleiteava a suspensão da tramitação da PEC. Com isso, a PEC poderá seguir sua tramitação normal na Assembleia. A decisão é desta segunda-feira (19).

Vencendo a crise
Se vencer a crise é essencial para viabilizar um governo, o gestor cearense Camilo Santana está no caminho certo. Nesta segunda-feira (19), foi divulgado o resultado do PIB (Produto Interno Bruto) cearense. O estado registrou um crescimento de 1,87% no primeiro trimestre deste ano, em comparação ao mesmo período de 2016. O resultado é quase o dobro do registrado pelo Brasil, que cresceu 1% no período. Agropecuária, Indústria e Serviços puxaram o resultado com crescimentos de 10,39%, 1,81% e 1,78%, respectivos.

sexta-feira, 16 de junho de 2017


R$ 112 mil. SR deixa de pagar contas de água de equipamentos em Juazeiro

Diante de uma verdadeira batalha jurídica, a Procuradoria-geral do Município denunciou a empresa SR Empreendimentos. Segundo a procuradoria, a empresa atrasou as contas de água e energias de equipamentos sob sua administração, o que, pode levar a interrupção dos serviços.

Segundo informou a CAGECE o debito atualizado de água, referente ao Terminal Intermunicipal, está em mais de R$ 5 mil reais. Outro débito da empresa é com relação ao Mercado do Peixe, onde o passivo chega a mais de R$ 107 mil.

A má prestação dos serviços da empresa, motivou um Decreto municipal estabelecendo o rompimento do contrato de concessão com a empresa. Mas, uma decisão judicial, manteve a empresa a frente das administrações de mercados, terminais rodoviários e Hotel municipal.

Ceará. Deputados estaduais devem perder aposentadorias

A Previdência Parlamentar dos deputados estaduais do Ceará deve ser extinta nos próximos meses. Ex-deputados que contribuíram por cerca de 25 anos terão parte do dinheiro devolvido e perderão o benefício. Já os que continuam contribuindo não terão direito a aposentadoria e o dinheiro será devolvido.

A medida está sendo preparada para seguir ao plenário da Assembleia Legislativa. Ela deve vir através de uma Medida Provisória que será apreciada pelos atuais deputados. A mesma medida está sendo adotada pelos estados do Rio Grande do Sul, Sergipe e Ceará. Todos tem regras específica de Previdência.

A expectativa é que a decisão atinja, ainda, deputados federais e senadores, que não terão mais previdência com regras especificas.

(Com informações da coluna Brasília - Ceará, do jornalista Donizete Arruda).

Ensino. FMJ entre as piores do Brasil

A Faculdade de Medicina Estácio de Juazeiro do Norte (Estácio/FMJ) está entre as 313 instituições de ensino superior que obtiveram avaliação insatisfatória através do Índice Geral de Cursos (ICG). Ao todo, 2.019 instituições foram avaliadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), do Ministério da Educação.

A Estácio FMJ apresentou ICG contínuo de 1,6630 e ICG faixa de 2. O índice varia entre 1 e 5. O mau desempenho pode ser passível de punições como a proibição de novos vestibulares, até que medidas para mudança do cenário sejam postas em prática. Os números apresentados fazem parte da mais recente avaliação anunciada do MEC, do ciclo 2015. O Ministério da Educação é responsável pelos cálculos, que são feitos anualmente.

(Coluna Rebate, Jornal do Cariri)

Milagres. Crise entre poderes

Uma crise política entre a Câmara de Vereadores e a Prefeitura de Milagres caminha a passos largos. A gestão do prefeito Lielson Landim (PDT) sofreu uma derrota ao tentar aprovar a doação de um terreno destinado a União das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil e abriu o caminho para as especulações. O projeto prometia construir um espaço social, esportivo e cultural com salas e espaços de lazer.

Apesar da boa intenção, o projeto foi rejeitado com cinco votos contrários. Para a aprovação, o projeto necessitava de dois terços dos 11 votos da Casa. A repercussão da derrubada colocou em xeque a articulação do prefeito na Casa, acentuando o desgaste político. Irritado com o resultado Lielson levou o caso ao Ministério Público do Estado. Quer a intervenção do órgão. Esquece a autonomia do legislativo nas votações.

Oposição fortalecida

Para piorar a vida do prefeito de Milagres, Lielson Landim (PDT), seu maior adversário político assumirá a superintendente da Funasa – Fundação Nacional de Saúde. O ex-prefeito Hellosman Sampaio deve assumir o órgão sob as bênçãos do presidente do Congresso, senador Eunício Oliveira (PMDB). Na tentativa de se antecipar às especulações, Lielson disse que vê a indicação como positiva para o município.

Na verdade, Lielson acerta quando coloca o município como beneficiado com a indicação. O prefeito está de olho na liberação de recursos para o saneamento do município, orçado em R$ 20 milhões. O projeto está no órgão esperando aprovação. O dinheiro deve ser liberado, mas Hellosman já avisou: o recurso será administrado pela Cagece sem passar pela Prefeitura. Nada de ganho político para o prefeito Lielson.

quinta-feira, 15 de junho de 2017


Crato. Samuel Araripe tem direitos políticos suspensos

O ex-prefeito do Crato, Samuel Araripe (PSDB), teve seus diretos políticos cassados por decisão do juiz da 1ª Vara Cível do Crato, José Batista de Andrade. Samuel foi denunciado pelo Ministério Público Eleitoral, de mentir ao assumir obra de autoria do Governo do Estado, como tendo parceria do município.

A ação civil pública aponta motivos eleitoreiros na mensagem amplamente divulgada, inclusive, no site oficial da Prefeitura. O juiz José Batista entendeu que houve tentativa de enganar a população.

A decisão do juiz José Batista, abrange o então chefe de gabinete e ex-candidato a prefeito Cicero França, apoiado por Samuel. Cicero, foi condenado a pagar multa equivalente a cinco vezes sua remuneração da época.

Além dos diretos políticos cassados, Samuel também deve pagar multa, equivalente a 20 vezes o salário que recebia na época. Mais que o prejuízo financeiro, o ex-prefeito deve interromper sua pré-campanha a deputado estadual. Samuel divulgou nota dizendo que vai recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral, em Fortaleza.

Repercussão

A decisão deve implodir a candidatura de Samuel a deputado estadual em 2018. Mesmo que consiga reverter a situação no TRE, o caso deve seguir ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Ou seja, Adriano Duarte, teremos novela de batalha judicial pela frente.

A denúncia é do Ministério Público Eleitoral e isso deixa pequena a possibilidade de desistência do processo. Samuel deve ter uma certeza nesse momento: o caso deve mesmo se arrastar até o TSE. E, certamente, sofrerá com as idas e vindas das decisões de meio de caminho.

Não estranharem se Samuel acabar desistindo da pretensão de chegar a Assembleia Legislativa.

O interessante é que, com os desgastes administrativos do prefeito Zé Ailton Brasil e os problemas de Samuel com a justiça, parece que o caminho fica aberto para o retorno político do ex-prefeito Ronaldo Mattos. Coisas da política e as voltas que o mundo dá!

Municípios. Dinheiro extra no FPM

Os prefeitos brasileiros estão comemorando o resultado de uma reivindicação da Confederação Nacional de Municípios (CNM) e movimento municipalista. A entidade anunciou um incremento financeiro extra no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para o mês de julho deste ano. A estimativa é de R$ 4,1 bilhões a mais.

O recurso virá de um aumento nos impostos de Renda (IR) e Produtos Industrializados (IPI) que subiram de 22,5% para 24,5%. Os repasses dos impostos acontecem em julho e dezembro. O recurso extra é recebido pelos gestores como minimizador a crise financeira causadas pelas sucessivas quedas do FPM.

No Cariri, os prefeitos devem usar os recursos para atualizar salários e resolver problemas estruturais dos municípios.

TCM. Nada de festas juninas

Apesar do dinheiro extra no FPM e do apelo à tradição cultural, os prefeitos cearenses devem repensar os gastos com festejos juninos. A orientação é do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) e da Procuradoria de Crime contra a Administração Pública (Procap) e será enviada aos 184 municípios cearenses.

No Cariri, a orientação frustrou os planos dos prefeitos mais animados com a ideia de resgatarem suas imagens através de festas. A ação do TCM e da Procap é motivada pelo grande número de Prefeituras com Decretos de Emergência e Calamidade. Existem casos de salários atrasados e infraestruturas precárias.

O documento circular pede cautela nos gastos para garantir o cumprimento dos preceitos fundamentais da administração pública. Já tem prefeito buscando “parcerias” com a iniciativa privada para garantir a festa.

Granjeiro. Quem é o pai da estrada?

A população de Granjeiro comemora a inauguração da estrada que liga o município a Rodovia Padre Cícero. Mas, durante a entrega da obra pelo govenador Camilo Santana houve uma polêmica: quem foi o responsável local pela conquista.

No palanque, ao lado das autoridades, estava o atual prefeito João Gregório, mas no meio do povo a festa era para o ex-prefeito Dr. Gudy. De cima do palanque Gregório assistiu ao povo comemorar carregando Gudy nos braços. A cena rendeu constrangimentos.

Para amenizar a tensão, coube ao secretário e pré-candidato a deputado estadual Fernando Santana, baixar os ânimos mais exaltados. Fernando ressaltou o trabalho e o compromisso do governador e a importância dos dois líderes para a concretização do sonho. Devidamente reconhecidos, todo mundo saiu feliz!

Santana. Prefeita Danieli respira aliviada

A prefeito de Santana do Cariri, Danieli Machado, respira aliviada. A prefeita e seu vice, Juracildo Fernandes, foram inocentados pela Justiça Eleitoral em investigação de abuso de poder econômico e político nas eleições de 2016. O juiz Erick Bezerra considerou os depoimentos vagos e imprecisos.

A decisão impõe uma derrota na base de oposição do município liderada pelo ex-prefeito Jesus Garcia, que fez a denúncia. Segundo a denúncia da oposição, a prefeita distribuiu dinheiro nas convenções para financiar carreatas, além de distribuir bebidas e alimentos. A prefeita Danieli comemora a decisão.

Tarrafas. Vice-prefeito aliado critica ex-governador

O vice-prefeito de Tarrafas e secretário de Educação, Cícero Palácio, não poupou críticas ao ex-governador Cid Gomes. Em entrevista à imprensa local, Cícero disse que Cid não tinha um bom diálogo com as categorias funcionais do Estado. O vice-prefeito deixou a entender que se Cid estivesse à frente da chapa não teria seu voto.

Na mesma entrevista, o petista Cícero Palácio elogiou o governador Camilo Santana (PT) e disse que deve apoiá-lo em uma possível reeleição. Para Cícero, o atual governador é diferente do seu antecessor ao manter um bom diálogo com as categorias em especial a educação. Muita gente estranhou as críticas do aliado.

segunda-feira, 12 de junho de 2017


Decisão judicial. Silvio Rui permanece em Juazeiro

O empresário Silvio Rui, da SR Empreendimento, demonstra ser um osso duro de roer. Após uma decisão da Prefeitura ter rescindido seus contratos de concessão de terminais rodoviários e o antigo Hotel Municipal, o empresário conseguiu impor a primeira à gestão Arnon Bezerra (PTB) nessa batalha judicial.

A juíza Sâmara de Almeida Cabral (3ª Vara Cível) de Juazeiro do Norte, suspendeu a portaria do prefeito Arnon, que determinava o rompimento de contrato unilateral com a SR Empreendimentos. Na decisão, a juíza estabeleceu prazo de 30 dias para que a administração municipal apresente as razões, o balanço fiscal e a prestação de contas da empresa com o município.

Apesar da aparente derrota, parece que a Procuradoria do Município estava esperando a decisão desfavorável. Segundo informações, o município deve recorrer da decisão já nesta segunda-feira (12). As medidas serão a elaboração do documento solicitado pela juíza Samara Cabral e entrar com recurso jurídico no Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE), pedindo a anulação da decisão.

Cinturão das Águas. Camilo assiste a conclusão de tuneis no Cariri

Depois de muitos atrasos e várias articulações para suporte financeiro, parece que a conclusão das obras do Cinturão das Águas no Cariri é uma questão de pouco tempo. O governador Camilo Santana participou no sábado (10), da finalização da obra do maior túnel do Cinturão das Águas do Ceará (CAC).

As duas frentes de serviço, que vinham escavando o túnel Veneza em lados opostos, se encontraram para concluir o trecho mais longo da obra para a passagem das águas. O trecho tem mais de 2 mil metros de comprimento. São 53 km de obra concluídos, que vão permitir a entrada das águas do rio São Francisco para chegar ao açude Castanhão.

A obra deste lote é composto por nove túneis e canais. Eles têm cerca de 6 km de extensão e previsão de conclusão para dezembro de 2017.

Temer inocente. Decisão 3x4 mostra verdadeira face do TSE

A decisão de inocentar a chapa Dilma/Temer, acusada de abuso de poder político e financeiro, além de uso da máquina pública para se beneficiar com doações ilegais, colocaram a imagem do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em xeque. Mais que revolta entre os brasileiros, a decisão mostrou um retrato 3x4 do poder liderado pelo contestado presidente, ministro Gilmar Mendes.

Os quatro votos favoráveis a permanência de Temer patinaram na argumentação e abriram precedentes jurídicos para que todos os casos semelhantes sejam inocentados. Espera-se a partir de agora, um festival de impunidades financiadas pelo Poder Judiciário. Mendes é conhecido por libertar condenados, incentivando ações criminosas e apadrinhando a corrupção no país.

Além do impacto da decisão, ficou a impressão de abandono e desrespeito às leis. A prioridade da justiça passa a ser a proteção aos amigos em detrimento ao princípio da legalidade e punição aos crimes. Os três votos vencidos, durante a sessão do dia 9, sexta-feira, foram vítimas de um verdadeiro circo dos horrores patrocinados por causas pessoais e infundadas.

Temer fica e com ele a revolta e o desprezo do povo brasileiro. Já não é mais uma questão justiça, é uma questão de amor próprio e bom senso. Temer deve entrar para a história como o presidente mais odiado, superando até os maiores ditadores do regime militar.

quinta-feira, 8 de junho de 2017


Cassação. A agonia de Temer termina nesta sexta

O Brasil tende paralisar para acompanhar o resultado do julgamento da ação que pede a cassação da chapa Dilma-Temer na eleição de 2014. Resultado final deve ser conhecido nesta sexta-feira (09). Na tarde dessa quinta-feira (08), o relator, ministro Herman Benjamin, disse em seu voto que há provas de que a chapa praticou abuso de poder político e econômico.

No entanto, Benjamin ponderou que os crimes atribuídos à chapa vencedora também foram praticados por outros partidos. Após o voto do relator, deverão votar os ministros Napoleão Nunes Maia, Admar Gonzaga, Tarcisio Vieira, Rosa Weber, Luiz Fux, e o presidente do tribunal, Gilmar Mendes.

Efeito Bumerangue. Sineval Roque deixa Assembleia e volta para suplência

O deputado estadual Sineval Roque (PDT), está deixando novamente a Assembleia Legislativa. A saída é motivada pela exoneração de Osmar Baquit (PSD) do secretaria do Governo Camilo Santana (PT). A ação levou Roque de volta a suplência.

O ato de exoneração de Baquit da secretaria de Agricultura, Pesca e Aquicultura, foi publicado na edição do Diário Oficial do Estado, dia 7 de maio. A oficialização do retorno de Baquit deve acontecer nesta quinta-feira (08).

Osmar Baquit voltou para o Governo Camilo após romper com PSD, em consequência da eleição da Mesa Diretora disputada pelos deputados Zezinho Albuquerque e Sérgio Aguiar, ambos do PDT. Baquit votou em Zezinho, eleito presidente da Casa.

Crise. Tasso quer abandonar barco de Temer

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) fechou questão com relação ao Governo Michel Temer (PMDB). Para Tasso, mesmo absorvido do julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Temer não tem mais condições de ficar à frente do país. O senador orienta que o partido entregue os cargos que ocupa no Governo.

A decisão de Tasso enfrenta resistência. Na contramão da opinião de Tasso, estão o senador afastado Aécio Neves, o ex-governador Geraldo Alckmin e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. O grupo trabalha para manter o Governo Temer e continuar nos cargos.

A queda de braço deve ser resolvida na segunda-feira, dia 12, em reunião plenária do Diretório Nacional da sigla.

Enfrentamento. Cid se diz perseguido e Moses Rodrigues desmente

“Estou sofrendo perseguição política”. O argumento usado pelo o ex-governador Cid Gomes para se responder sobre uma construção ilegal na Área de Proteção Ambiental (APA) da Serra da Mecuoca, foi rechaçada pelo deputado federal Moses Rodrigues.

Em resposta no Plenário da Câmara, Moses disse que Cid “tem que responder pelos crimes que cometeu, quer seja na delação da JBS; quer seja na delação da Odebrecht, quer seja na aplicação de multa imputada pelo ICMbio”.

Ne nota Cid afirmou sofrer perseguição de Moses, que teria influência no órgão federal. Cid foi multado em R$ 6 milhões por construir em área de reserva ambiental permanente pelo ICMbio do Piauí. 
Crato. Operação Salva Vidas
A base do prefeito Zé Ailton Brasil está tendo trabalho para conter os ânimos na Câmara de Crato. O prefeito não ouve as reivindicações dos vereadores. Há quem aposte que, após a queda de Florisval, o prefeito Zé Ailton enfrentará uma forte oposição na Casa, inclusive, com seu mandato correndo risco.(Com informações da Coluna Rebate, Jornal do Cariri)

quarta-feira, 7 de junho de 2017


Gestão. MP investiga licitações e nomeações na Câmara do Crato

De posse de vasta documentação que comprovam desvios de recursos e fraudes em licitações, o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), através da promotoria de Crato, deve pedir nos próximos dias o afastamento do presidente da Câmara de Vereadores local, vereador Florisval Coriolano (PRTB).

Florisval enfrenta denúncias de superfaturamento em contratos, desvio de recursos e fraudes em contratações de cargos comissionados e assessorias ligadas ao seu gabinete. Somente no gabinete da presidência foram feitas mais de 30 nomeações com suspeitas de irregularidades.

Segundo informações do Portal da Transparência e documentos em posse do MPCE, apesar da Câmara ter contrato com uma empresa de contabilidade no valor de R$ 16 mil mensais, o presidente nomeou um auxiliar de contabilidade ao custo de R$ 15,6 mil, pagos nos últimos quatro meses.

O MP investiga um possível superfaturamento no contrato da contabilidade, com a empresa Francisco Cláudio de Melo – ME, que deve receber pelo contrato R$ 192 mil em apenas um ano. Mesmo sabendo da suspeita, Florisval continua efetuando normalmente os pagamentos a empresa.

Outro agravante no caso da contabilidade é a nomeação de José Vieira, como auxiliar de contabilidade. Vieirinha, como é conhecido, exerce na verdade a função de operador de som da Casa. Mesmo sem a qualificação para o cargo Vieirinha já recebeu mais de R$ 15 mil pelos serviços. Foram quatro empenhos, sendo um de R$ 7,8 mil e outros três no valor de R$ 2,6 mil.

O MP investiga a possibilidade do servidor estar sendo usado como “laranja” de Florisval em esquema de desvio de recursos. Ouvido pelo promotor Cleyton Bantim, o servidor reafirmou que suas funções não passam de operador de som.

O presidente Florisval Coriolano foi ouvido no dia 2 de junho e o conteúdo da oitiva não foi divulgado. Mesmo com o andamento da investigação, Florisval nomeou no dia 31 de maio último, o mesmo servidor como diretor de comunicação.

Várzea Alegre. Vereador faz oposição qualificada

O líder da oposição na Câmara de Várzea Alegre, vereador Michael Martins (PT), tem despertado uma atenção positiva até dos apoiadores do prefeito Zé Helder (PMDB). O vereador tem se notabilizado pela coerência nos posicionamentos e pelas críticas propositivas.

Entre as demandas cobradas à administração está a reabertura do matadouro local, fechado pela Semace. Um novo equipamento foi construído, mas continua fechado por falta de licenças. A falha nos serviços de iluminação pública, de responsabilidade da gestão municipal, também, tem sido alvo das críticas.

Os posicionamentos tem causado um racha no seu partido, que faz base ao prefeito. Mesmo sem o apoio do seu partido, o petista Michael conseguiu formar uma oposição com seis dos treze vereadores da Casa. Vai dar trabalho ao prefeito peemedebista.

Brejo Santo. Justa homenagem a Wellington Landim

O ex-prefeito de Brejo Santo, Guilherme Landim (PDT), prepara grande homenagem ao seu pai, o ex-deputado Wellington Landim, falecido em 9 de junho de 2015. Wellington foi vítima de uma meningite que o levou aos 59 anos. Entre os mais influentes parlamentares da Assembleia Legislativa, Wellington deve ser lembrado, principalmente, por suas posições firmes.

Na atual legislatura era figura carimbada na cobrança por agilidade nas obras da transposição do Rio São Francisco. A homenagem lembrará os dois anos de morte, destacando sua vida pública e sua atuação política pelas causas do Cariri. Wellington foi presidente da Assembleia Legislativa por dois mandatos e candidato a governador em 2002. A homenagem deve contar com as presenças de lideranças políticas do Cariri e do Estado.

terça-feira, 6 de junho de 2017


Investigação. Cid Gomes denunciado por fraude no BNB

A Justiça acatou denúncia do Ministério Público Federal contra o ex-governador Cid Gomes. Ele é acusado de crime contra o Sistema Financeiro Nacional ao receber, segundo a denúncia, empréstimo fraudulento junto ao Banco do Nordeste (BNB) no valor de R$ 1,3 milhão para a construção de um galpão em Sobral.

Inicialmente proposta na 32ª Vara Federal de Fortaleza, a ação foi encaminhada para a 18ª Vara Federal em Sobral. A pena máxima somada dos dois crimes pode ultrapassar 12 anos de prisão. Cid tem prazo de 10 dias para encaminhar sua defesa.

Farias Brito. Prefeito em busca de resultados

O prefeito de Farias Brito, José Maria (PCdoB) parece ter iniciado o mês de junho decidido a fazer as ações acontecerem na sua gestão. Ele aproveitou uma reunião, 31 de maio, para cobrar a equipe da Educação. Foram feitas avaliação de resultados e proposições de novas metas.

Além da cobrança, o prefeito, também, tem feito sua parte em articular políticas públicas e parcerias para o município. Depois de ser classificado entre os piores índices de infestação de Dengue, Zé Maria procurou ajuda junto a população e a entidades como a Cruz Vermelha que atendeu ao chamado.

O trabalho foi feito de casa em casa e a expectativa é de reavaliação da posição. Outra boa articulação do prefeito foi com a Fundação Bradesco que promete para breve uma parceria com o município. A população parece satisfeita.

Altaneira. Câmara falando alto

Os vereadores da Câmara de Altaneira estão falando alto quando o assunto é política nacional. Na sessão do dia 31 de maio, os parlamentares aprovaram uma Moção de apoio a chamada “PEC das Diretas”, que tramita na Câmara dos Deputados. A moção de autoria do vereador Flávio Correia (SD) pede a aprovação da PEC por entender que se trata de uma reivindicação da população.

A Moção rechaça a possibilidade de deputados e senadores investigados por corrupção escolherem o novo presidente em eleição indireta. A voz dissonante veio dos vereadores Zuleide Ferreira (PSDB) e Professor Adeilton (PSD). Zuleide defendeu eleições indiretas para garantir o cumprimento da Constituição Federal e Adeilton observou que eleições diretas não garante a exclusão de corruptos no processo. O debate rende aplausos!

segunda-feira, 5 de junho de 2017


Pesquisa. 85% querem cassação de Temer

Na véspera do julgamento da chapa Dilma / Temer, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), uma pesquisa Vox Populi revela a preferência do brasileiro sobre o caso; 85% dos entrevistados querem a cassação do presidente Michel Temer. A sessão acontecerá nesta terça-feira (06).

Segundo a pesquisa, 89% dos entrevistados querem escolher o novo presidente da República. A pesquisa aponta ainda que 75% dos brasileiros avaliam negativamente o desempenho de Temer como presidente. Para 73% o Brasil vai piorar com Temer no poder.

Governo. Modelo de gestão para o futuro

Nada satisfeito com o que tem visto. O governador Camilo Santana vai tentar ajudar os prefeitos cearenses na organização das gestões. O anuncio foi feito durante a abertura do “Seminário Prefeitos Ceará 2017”. O Estado promoverá, no dia 3 de julho, um encontro com todos os prefeitos cearenses para debater um novo modelo de gestão.

A ideia é discutir novas metas para Educação, Segurança, Saúde e Emprego. Para Camilo, é um momento para repensar gestão de forma eficiente, focada em resultados e com ferramentas para superar os desafios. Governo e municípios terão a oportunidade para trocar experiências.

Prefeituras. Dinheiro em caixa

Os prefeitos brasileiros estão, literalmente, sorrindo à toa. O motivo da alegria que contagia, também, os gestores do Cariri foi a derrubada do veto presidencial ao Projeto de Lei Complementar (366/13) que permite a transferência da cobrança do Imposto Sobre Serviços (ISS) para o município domicilio dos clientes de operações de cartões, leasing e planos de saúde.

No modelo atual, apenas o município do estabelecimento sede arrecada o imposto. Com a decisão do Congresso, somente na economia cearense serão injetados mais R$ 129 milhões mensais. No Cariri os valores arrecadados pelas Prefeituras devem ficar entre R$ 50 e R$ 800 mil.

A arrecadação depende do volume de transações efetuadas em cada município. Em época de crise, a notícia foi recebida com muita alegria. As Câmara de Vereadores prometem fiscalizar a aplicação dos recursos.