sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Secretário de Educação de Juazeiro não convence vereadores

O secretário de Educação de Juazeiro do Norte, Geraldo Alves, atendendo convite da Câmara Municipal, compareceu a sessão dessa quinta-feira (26), para falar sobre o reordenamento da rede escolar do Município. O secretário usou a tribuna durante pouco mais de 10 minutos e, apesar dos elogios pessoais, recebeu várias criticas com relação à política educacional desenvolvida pela sua pasta.

Segundo o secretário, o projeto em curso visa reorganizar as escolas para que no futuro, elas possam funcionar em tempo integral. Geraldo Alves observou que antes de qualquer decisão é realizado um estudo e feita uma discussão com a comunidade. “Todas as escolas estão sendo redimencionadas com o consentimento das comunidades, onde estão inseridas,” disse o secretário.

Para o vereador Tarso Magno (PR), se há a necessidade de reorganizar é porque está errado. “A verdade é que a nossa educação está um caos. Já são três greves em três anos. Quem tem condições não coloca o filho na rede pública,” disse Tarso, ressaltando que o fechamento de escolas ou turnos é o claro exemplo da falência da educação do município.

A vereadora Rita Monteiro (PTdoB), ressaltou que a presença do secretário na Câmara era tardia. Para a vereadora, o secretário deveria ter vindo antes do redimencionamento. “Esse modelo de redimencionamento é um lucro para a prefeitura, mas é um grande prejuízo para a comunidade escolar do Juazeiro,” disse Rita.

O vereador Cláudio Luz (PT), perguntou qual a real proposta do Governo Raimundo Macedo para a educação de Juazeiro. Na avaliação do vereador, até agora a política educacional do prefeito Raimundo Macedo só trouxe prejuízos a comunidade e aos professores. Segundo informou o vereador, cerca de 10 escolas foram fechadas e, somente, no bairro Antônio Vieira 200 alunos estão sem ter onde estudar.

Para finalizar seu pronunciamento, o secretário Geraldo Alves disse que educação não se faz somente com amor e sim com recursos. “Estamos aplicando mais de 70% do Fundeb, quando deveriam ser, no máximo, 60%. Isso faz com que diminuamos os investimentos que são necessários,” finalizou o secretário.

Caso Demutran

O vereador Bertran Rocha (PTdoB) usou a tribuna para fazer novas denúncias contra a direção do Departamento Municipal de Trânsito de Juazeiro do Norte (Demutran). Para o vereador o órgão está sendo saqueado e passou de fiscalizador para uma instituição de terror.

O vereador disse que está sendo perseguido por ter feito as denúncias. Segundo ele, o diretor do Demutran, Leonardo Silva, autorizou várias blitz nas proximidades de seu lava-jato para inibir sua clientela. Além disso, o vereador disse que o diretor do órgão é conivente com as perseguições feitas por agentes de trânsito a cidadãos de Juazeiro do Norte, com excesso de multas.

Bertran denunciou, ainda, que o órgão está tomando os alvarás de taxistas e moto-taxistas para entregar a outras pessoas. O vereador citou um caso que aconteceu no ponto de taxi localizado no Assai Atacadista.

Sobre a liberação de motos sem o pagamento das taxas, o vereador disse que a prática continua acontecendo e que as motos são liberadas mediante propina e com o consentimento do diretor Leonardo.

Durante o pronunciamento, o vereador apresentou uma série de documentos que vai usar de base para formalizar denúncia ao Ministério Público do Estado.

PT do Ceará reúne seus quadros políticos em Fortaleza

O Partido dos Trabalhadores do Ceará abre na noite desta sexta-feira (26), no Hotel Praia Centro em Fortaleza, um encontro com prefeitos, vice-prefeitos e parlamentares do Ceará. O encontro, que faz parte das comemorações dos 35 anos do partido, terá como pauta a troca de experiências entre as lideranças petistas.

Segundo o presidente De Assis Diniz, a ideia é reforçar a atuação no Ceará e preparar o partido para as eleições de 2016. Nesse sábado (27), serão ministradas palestras com o secretário Nacional de Assuntos Institucionais do PT, Reginaldo Lopes; e o presidente da Fundação Perseu Abramo, Márcio Pochmann.

Também confirmaram presenças, o governador Camilo Santana, o subchefe de Assuntos Federativos da Presidência da República, Gilmar Dominici, e o Presidente da Associação Brasileira de Prefeitos, Eduardo Tadeu Pereira.

Eleição do Sindicato dos Comerciários de Juazeiro vira caso de polícia

O processo eleitoral para a nova diretoria do Sindicato dos Comerciários de Juazeiro do Norte está sendo investigada pela Polícia Civil. Um inquérito foi aberto, depois que a candidata da oposição Fátima Torres, denunciou um suposto caso de fraude e uso da máquina para garantir a reeleição da atual presidente, Antônia Gomes (Toinha).

Segundo Fátima Torres, a atual diretoria montou um esquema para aumentar o número de associados com direito a voto e comprometidos com a atual gestão. A candidata da oposição chama a atenção para o fato dos novos filados serem, na maioria, de cidades vizinhas.

Essas filiações foram aprovadas em Assembleia Geral que, também está sendo questionada. A assembleia teria sido fictícia e vários associados já identificaram suas assinaturas na Ata sem ter participado do evento. A denúncia está sendo investigada e vários filiados já foram ouvidos pela Polícia Civil.

Agora, o Ministério Público do Trabalho (MPT), também, entrou no caso e anunciou a intervenção no processo de eleição. A procuradora Lorena Brandão deve assumir a coordenação e fiscalização do pleito que acontece no próximo dia 9 de março. Enquanto isso, a tensão entre as chapas só aumenta.

Araripe: Germano, o prefeito bumerangue

Repercute em Araripe a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de cassar novamente o mandato do prefeito Humberto Germano, do PSD. A decisão foi tomada pelo ministro João Otávio de Noronha, relator do processo. É a terceira vez que o prefeito é afastado do cargo. Em maio de 2014, uma decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE) decretou a perda do mandato por crime eleitoral na campanha de 2012.

Germano contratou 240 servidores durante a eleição, que foi decidida com diferença de 45 votos. Uma liminar do próprio TSE manteve o prefeito no cargo. Com a decisão o presidente da Câmara Municipal, vereador Damião de Senhor, assume como prefeito interino para convocar nova eleição.

O detalhe é que o prefeito deve recorrer da decisão e pode retornar ao poder. Vai ficar conhecido como prefeito bumerangue!

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Polícia Militar flagra roubo dentro do Demutran de Juazeiro

Uma operação do grupo reservado da Polícia Militar (PM) e da Guarda Municipal de Juazeiro do Norte prendeu, no início da tarde dessa quarta-feira (25), um guarda municipal e outros dois civis por roubo de uma moto do deposito do Departamento Municipal de Transito de Juazeiro do Norte (Demutran).

A prisão do guarda municipal, identificado apenas como Tenório e dos irmãos, identificados como Fernandes e Hernandes, aconteceu no próprio órgão. A equipe tática reservada fez as prisões em flagrante no momento em que os três retiravam uma moto do depósito do Demutran. O comando da operação não divulgou os nomes dos dois civis.

Segundo informações, o grupo estava sendo monitorado e após as prisões, os policiais seguiram em diligencia ao visinho estado do Pernambuco, onde recuperaram uma moto levada do pátio do Demutran. Os depoimentos foram tomados no fim da tarde, quando retornaram da diligencia.

Denúncias

Há cerca de uma semana o vereador Bertran Rocha (PTdoB), durante sessão da Câmara, denunciou um esquema de distribuição de propinas para liberação de veículos apreendidos, além de sumiço de peças e, até, motos do deposito do órgão. Segundo o vereador montou campana no órgão é tem provas contundentes sobre a denúncia.


Já o ex-deputado Giovanni Sampaio denunciou, nas rádios locais, um possível esquema de indústria de multas praticadas por agentes de trânsito do Demutran. Segundo Giovanni, um empresário local recebeu 14 multas em um só dia e no mesmo horário, depois de discutir com um agente de transito do Demutran. O caso está sendo apurado pela Polícia Civil.

Prefeitos do Cariri torcendo pela Reforma Política

No Cariri, são muitos os prefeitos que estão torcendo para que a Reforma Política saia do papel e ganhe vida através do Congresso. Entre os pontos de interesse, está o que acaba com a reeleição e institui mandatos únicos de cinco anos.

Na verdade o interesse está no debate que define eleições gerais e, ainda mais, na decisão sobre uma possível eleição para um mandato de apenas dois anos. Sobre o debate, ganha corpo a discussão se teremos eleição ou prolongamento dos atuais mandatos, até a unificação eleitoral. Acredita-se que o TSE deva opinar pelo prolongamento dos mandatos.

Os interessados, prefeitos e vereadores, devem se sentir aliviados caso o Congresso retifique as expectativas de prolongamentos. Claro que eles, os interessados, terão que fazer sua parte acionando seus deputados e senadores. Então mãos a obra!

Camilo em Brasília para apresentar Plano Estadual de Convivência com a Seca

O Governador Camilo Santana (PT) viajou nesta quinta-feira (26) a Brasília para apresentar, entre outros, o Plano Estadual de Convivência com Seca, ao ministro da Integração Regional, Gilberto Occhi. O plano está orçado em 600 milhões e para viabilizá-lo o Estado precisa também de aportes de recursos federais.

Camilo tem reuniões agendadas com outros quatro ministros. Entre eles, os ministros dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, do Planejamento, Nelson Barbosa e com ministro da Saúde, Arthur Chioro. Em todas as audiências, a pauta é transferência de recursos federais para o andamento de obras e ações no Estado.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Juazeiro do Norte: Comissão de vereadores vai acompanhar trabalhos das máquinas do PAC2

Os vereadores de Juazeiro do Norte, durante sessão dessa terça-feira (24), decidiram pela formação de uma Comissão para acompanhar os trabalhos desenvolvidos pelas máquinas doadas, ao Município, pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2) do Governo Federal.

A sugestão veio de requerimento do vereador Darlan Lôbo (PMDB) que disse ter fotos das máquinas trabalhando em outros loteamentos particulares. Darlan pediu que fosse controlado o horímetro de cada máquina e que a Câmara receba uma prestação de contas dos trabalhos realizados para inibir a prática.

O líder do prefeito, vereador Capitão Vieira Neto (PTN), concordou com o requerimento, acrescentando que a prefeitura envie à Câmara uma planilha, mensalmente, com hora e local dos trabalhos desenvolvidos pelas máquinas.

A comissão será formada pelos vereadores: Darlan Lôbo, Cláudio Luz (PT), Adauto Araujo (PSC) e Rita Monteiro (PTdoB). Segundo Darlan, o grupo se reunirá nesta semana para definir a data da visita a garagem da prefeitura.

Ainda, durante a sessão, o vereador Cláudio Luz requereu o envio de todos os documentos de cartório, referentes à desapropriação do terreno da empresa “AC Imóveis e Engenharia Ltda.” Já o vereador Capitão Vieira Neto, solicitou envio de ofício à Secretaria de Saúde do Estado pedindo explicações sobre atrasos nos salários dos médicos do Hospital Regional do Cariri.

Permutas sem base

Após a sessão, o vereador Darlan Lôbo, observou que as permutas e outras negociações de terrenos da prefeitura podem estar irregulares. Segundo o vereador o art. 103 da Lei Orgânica do Município prevê que todas essas transações desse tipo dependem do crivo do Poder Legislativo.

Caso a denúncia se confirme, todas as permutas, inclusive, de administrações passadas, formalizadas após a sanção da lei, devem ser anuladas. O vereador não soube precisar uma data, mas avaliou que, pelo menos, nos últimos 10 anos todas as permutas foram feitas de forma irregular.

Darlan disse que vai discutir o assunto com outros vereadores para formalizar a denúncia ao Ministério Público.

Professores do Barro em greve

Os professores da rede pública de Barro estão em greve, por tempo indeterminado. A decisão foi tomada em Assembleia Geral realizada na última quinta-feira (19). A assembleia contou com a presença de cerca de 80 professores afiliados ao sindicato que representa a categoria no município.

Os grevistas reivindicam a aplicação do reajuste do piso nacional da categoria, concedido pelo Governo Federal, de 13,01%. Eles pedem, ainda, a liberação dos pagamentos do adicional por tempo de serviço (anuênios), do adicional de hora/aula para o profissional polivalente, retirado desde o ano passado pelo Município, entre outros.

Segundo informações do Sindicato, movimento já atinge 80% da categoria. A presidente Paula Bezerra, disse que houve tentativas de diálogo com a Prefeitura, mas sem sucesso. Até o momento não houve qualquer manifestação por parte da secretária de Educação do Município, Lígia Simone Tavares, ou do prefeito Neneca Tavares.

Heitor Ferrer quer passar o trator no “Aquário do Ceará”

O deputado estadual Heitor Ferrer (PDT) disse em pronunciamento nessa terça-feira (24), durante sessão da Assembleia Legislativa, que o Governo poderia “passar um trator” nas obras do Aquário do Ceará. Para o deputado o estado não tem como bancar uma obra avaliada em mais de R$ 500 milhões.

Durante o pronunciamento do deputado Heitor Férrer, outros deputados de oposição também se inscreveram para abordar o assunto. Na defesa do governo falaram o líder do governo, Evandro Leitão e o vice-líder, Júlio Cesar Filho.

Radicalização e violência nas manifestações contra Dilma e o PT

Os principais veículos de comunicação destacaram na manhã dessa quarta-feira (25), a imagem do confronto em entre militantes do PT e simpatizantes do movimento pró-impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT).

O tumulto ocorreu no Rio de Janeiro, antes do ato em defesa da Petrobras e do modelo de partilha no pré-sal. O clima de radicalização política cria um ambiente perigoso e sugere novas agressões para o dia 15 de março, quando estão agendados protestos pelo impeachment.

Detalhe:

É verdade que toma corpo, vale salientar, sob o comando da oposição tucana, o movimento que pede a saída da presidenta Dilma do poder. Todo é qualquer movimento é legítimo e garantido por lei. O problema é que, quando um partido assume a postura deve assumir a responsabilidade sobre ele.

Enganam-se quem nivela o atual movimento “Fora Dilma”, com aquele “Fora Collor”. São bem distintos. Collor pertencia a um partido sem expressão, sem base política e sem apoio social. Caiu! Diferente da presidenta Dilma que pertence a um partido forte, com raízes fincadas na história política brasileira e grande apelo social. É outra situação!

Estão agendados para os próximos dias mais movimentos pedindo a saída da Dilma e do PT. Correm o risco de promover uma convulsão social sem precedentes. É bom avaliar que o PSDB tem simpatizante e o PT tem militante. Num enfrentamento, isso dá uma enorme diferença. É esperar pra ver!

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Manifestantes fecham CE 060 no Município de Jardim

Centenas de moradores fecharam na manhã dessa terça-feira (24), a CE 060 na altura do município de Jardim. A manifestação ocorreu em protesto à paralisação das obras de duplicação da pista que dá acesso ao Estado do Pernambuco.

A multidão interditou as duas vias com entulhos e queima de pneus. A polícia Rodoviária Estadual foi chama ao local para intermediar as negociações. Os manifestantes pediam a retomada das obras paralisadas desde novembro de 2014.

Segundo os manifestantes, o trecho tem causado vários acidentes, inclusive, com vítimas fatais. O trânsito nas duas mãos esteve paralisado por toda a manhã, formando-se um enorme engarrafamento. Segundo informações, no inicio da tarde o trânsito foi liberado.

Abaiara: Bem público sem segurança

No município de Abaiara a ressaca de Carnaval foi além das más noticias vindas de crimes e acidentes acontecidos em todo o Cariri. Entre os dias 13, quando foi decretado ponto facultativo, até o dia 19, reinicio dos trabalhos, alguém entrou na sede da Secretaria de Educação do Município e fez uma feira com produtos “tecnológicos”.

Não houve qualquer resistência ao arrombamento; não havia segurança. O detalhe não é o que foi levado e, sim, o que não levaram. Não sumiu nada de valor. Claro que a gestão do prefeito Chico Sampaio não pode contar sempre com a sorte de ter arrombadores sem conhecimento.

É necessário melhorar urgentemente a segurança dos prédios públicos do município, afinal, os bens pertencem ao povo de Abaiara e merecem respeito e atenção.

Salitre: Prefeito acusado de discriminação racial

O prefeito de Salitre, Rondilson Ribeiro, agiu bem além do ponderável, na última semana, para garantir sua festa de Carnaval. Ele agrediu com palavras um policial militar que atendia uma simples ocorrência de poluição sonora. O prefeito ameaçou o policial de transferência e o chamou, em tom discriminatório, de “negro”.

Rondinilson defendia o proprietário do automóvel que perturbava a vizinhança com um som acima dos decibéis previstos em lei. Não satisfeito o prefeito, ainda, incitou a população contra os policiais que atendiam a ocorrência.

Parece que a orientação do Ministério Público e Tribunal de Contas dos Municípios de não realização de Carnaval com dinheiro público deixou muito prefeito fora de si. Agora, espera-se que o prefeito responda pelo crime de discriminação racial e por abuso de poder.

Milagres: A resposta da greve branca dos vereadores

Depois da uma grande repercussão sobre a ausência de todos os vereadores do PMDB, em uma sessão da Câmara de Milagres, o presidente da Casa, vereador Ubelardo dos Santos, também faltoso, falou sobre o assunto na sessão seguindo. O presidente se disse chateado e preocupado; repudiou a atitude dos colegas e foi enérgico em afirmar que tomaria as providencias.

O presidente disse, ainda, que em breve divulgará uma nota para explicar sua ausência na sessão e a omissão dos colegas. Sobre a atitude dos colegas da oposição, o presidente a classificou de afronta. O caso ganhou a imprensa, virou chacota, o presidente esbravejou; mas, até agora nada foi esclarecido.

Os colegas da oposição, disseram que continuam esperando a explicação para a greve branca dos parlamentares. Parece que ameaça não funcionou.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Darlan Lôbo: “A administração de Juazeiro é uma quadrilha instalada para roubar”

Para o vereador Darlan Lôbo (PMDB) a prática de ameaças e tentativas de assassinato é uma constante na administração do prefeito Raimundo Macedo (PMDB). A afirmação foi feita na sessão da última quinta-feira (18), durante pronunciamento do vereador Cláudio Luz (PT) sobre o atentado a vida da principal testemunha da CPI do Ar-condicionado.

Segundo Darlan, essa mesma “administração maldita” já o ameaçou por posicionamentos na Câmara, contrários aos interesses do prefeito Raimundo Macedo. “Isso é uma quadrilha instalada para roubar. É muito dinheiro emprestado a juro para as campanhas e que precisa ser pago,” disse Darlan, observando que a culpa é do povo que elege por dinheiro.

Darlan afirmou, ainda, que é vitima constantemente de ameaças e, por isso, sofre preção da família para deixar a política. “Não vou desistir. Eles não são me intimidam e não são donos do mundo,” desabafou o vereador Darlan.

MEC avalia FMJ entre as piores do Brasil

O Ministério da Educação (MEC) divulgou, nos últimos dias, a lista dos 27 cursos de medicina reprovados no Brasil. A avaliação, feita pelo Conceito Preliminar de Curso (CPC), utiliza as notas Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade).

Inserida entre as 27 instituições com notas abaixo da média, a Faculdade de Medicina de Juazeiro do Norte (Estácio-FMJ), receberá a visita de técnicos do MEC para uma reavaliação. A visita é pré-requisito para que a Faculdade tenha o reconhecimento renovado.

O MEC deve esperar, ainda, as próximas notas da instituição no Enade. Caso a faculdade tenha resultados reincidentes, poderá sofrer penalidades como a redução do número de vagas ou até ser fechada. A FMJ teve nota 2, resultado bem abaixo de outros cursos de medicina da região Nordeste.

Missão Velha: violência perece não ter fim


Depois de um fim de semana marcado por um tiroteio que matou um e deixou outros quatro baleados; nessa segunda-feira (23), a população voltou a ser surpreendida com desenrolar de um assalto cinematográfico.

O gerente da agencia do Banco do Brasil local, foi feito refém, junto com a família, ainda, na tarde do domingo, em sua residência em Juazeiro do Norte. Na manhã dessa segunda-feira o gerente foi acompanhado por dois assaltantes até agencia, de onde levaram cerca de R$ 280 mil. O detalhe é os assaltantes usavam crachá funcional do Banco.

Após a ação os assaltantes seguiram, levando o gerente, em direção ao Pernambuco. O gerente e a família foram libertados quando o bando já estava com fuga concretizada. A polícia só tomou conhecimento do assalto uma hora depois. Até o momento, não existe qualquer pista dos assaltantes.

Campos Sales: Colapso no abastecimento de água não preocupa

A beira de um colapso no abastecimento de água o Município de Campos Sales, parece estar despreocupado com a situação. O açude Poço da Pedra, que abastece a cidade, está com menos de 5% da capacidade de armazenamento e até agora nenhum racionamento foi sugerido à população.

A Companhia de Águas e Esgotos do Ceará (Cagece), responsável pelo abastecimento diz que o racionamento virá se continuar a escassez de chuvas. Já a prefeitura, administrada pelo ex-deputado estadual Moésio Loiola, parece não entender a gravidade do problema e permanece indiferente a situação.

Nas ruas a população reconhece a gravidade e começa a tomar iniciativas para economizar. Além disso, resta orar a Deus para que mande chuva, já que, se depender dos poderes e do órgão responsável, muita gente morrerá de sede.

Enquanto isso...

Dentro do mesmo debate sobre a falta de água em Campos Sales, o Município recebeu mais de R$ 285 mil para construir um açude na comunidade de São Miguel, na zona rural. Fez a obra! O problema é que a prestação de contas foi aprovada com ressalvas, pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário. Será suspeita de desvio?

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Juazeiro-CE: Cláudio Luz denuncia tentava de assassinato de testemunha da CPI do Ar-condicionado

O vereador Cláudio Luz (PT) usou a tribuna da Câmara de Juazeiro do Norte, durante sessão dessa quinta-feira (19), para denunciar uma tentativa de homicídio praticada contra umas das testemunhas da CPI do Ar-condicionado. O caso foi tratado pelo vereador como tentativa de “queima de arquivo”.

O jovem Jailson Alves dos Santos, testemunha da CPI, sofreu no último mês de janeiro um atentado a bala sem motivo aparente. Jailson e o irmão, também, atingido pelos disparos, foram socorridos ao Hospital Regional do Cariri, onde ficaram internados por cinco dias. Jailson foi baleado nas proximidades de sua residência na Vila Carité.

Segundo o vereador estão tentando calar o rapaz que negou participação no esquema de corrupção investigado pela CPI do Ar-condicionado, revelando possíveis nomes envolvidos na articulação para fraudar os cofres públicos.

Jailson dos Santos teve o nome envolvido, como um dos proprietários das empresas usadas para desviar recursos públicos. Em depoimento à CPI, Jailson negou tudo e disse que teve seu nome foi usado sem sua autorização por pessoas ligadas a administração Raimundo Macedo (PMDB).

Para o vereador Darlan Lôbo (PMDB) essa é uma pratica da administração do prefeito Raimundo Macedo. Segundo o vereador, essa mesma “administração maldita” já o ameaçou por posicionamentos na Câmara. “Isso é uma quadrilha instalada para roubar. É muito dinheiro emprestado a juro que precisa ser pago,” disse Darlan, observando que a culpa é do povo que elege por dinheiro.

O vereador Cláudio Luz disse que não vai deixar o caso barato. “Vou procurar os comandos das Polícias Militar e Civil para cobrar uma resolução para o caso,” disse Cláudio, citando que amanhã pode acontecer com qualquer um que se coloque contra a atual administração. Ele citou casos como do vereador Amarílio Pequeno, assassinado e que continua sem uma resposta.

Ao final, Cláudio pediu que fosse enviado o pronunciamento e ofícios, pedindo providencias ao atentado, ao Ministério Público do Estado e Federal; Polícias Civil, Militar e Federal, além da Procap.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Professores de Juazeiro deflagram greve

Os professores da rede pública municipal de Juazeiro do Norte, reunidos em assembleia geral, nesta quinta-feira (19), decidiram pelo “Estado de Greve” com paralisação a partir da próxima segunda-feira (23).

A categoria reivindica aumento de 13,01% baseado no reajuste do piso nacional. O prefeito Raimundo Macedo oferece 6,5%. A categoria diz que tentou dialogar com o prefeito, mas não obteve sucesso. As aulas do município, com inicio previsto para essa quinta-feira, acabaram sendo adiadas.

Durante a assembleia, realizada no Ciclo Operário, os professores fizeram um chamamento para que outras categorias, como agentes de saúde e endemias, aderissem à greve. As categorias ficaram de decidir posteriormente.

(Foto: Cícero Valério / Site Miséria)

Crescimento da violência traz cúpula da Segurança ao Cariri

A cúpula da Segurança Pública do Estado esteve em Juazeiro do Norte, nessa quinta-feira (19). O principal motivador para a visita é o alto índice de homicídios registrados nos últimos meses na região. O secretário de Segurança do Estado, Delci Teixeira, participou de entrevista coletiva, onde falou das estratégias para reduzir o índice.

O secretário revelou que a região “Interior Sul”, na qual está inserido o Cariri, é a única onde os índices de criminalidade aumentam. Segundo ele, em outras regiões, como Fortaleza e região metropolitana, são registradas sucessivas quedas nos números.

Delci Teixeira reconheceu que a segurança no Estado precisa melhorar, mas no Cariri isso é urgente. O plano para o número de homicídios passa pela intensificação das investigações.

Sobre possíveis mudanças nos Comandos das Policias na região, o secretário disse que pode acontecer, após melhor avaliação da situação. Já nos bastidores é dada como certa a saída do Tenente Coronel Wellington Silva, do comando do 2º BPM de Juazeiro, devendo assumir o batalhão o Major Paulo Hermann.

Acompanham o secretário na visita, o Delegado geral da Polícia Civil, Andrade Júnior, e o subcomandante geral da Polícia Militar. Os dois permanecem na região para participar de reuniões com os comandos locais, Ministério Público e Poder Judiciário.

(Foto: Cícero Valério / Site Miséria)

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Violência: Carnaval no Cariri termina com 23 mortes

No Cariri, o Carnaval acabou se confirmando como um dos mais violentos dos últimos anos. Segundo números levantados pelo site Miséria, foram 23 mortes, nos quatro dias da festa. Em comparação com 2014, houve um crescimento de quase 100%. No ano passado, foram 12 mortes no Carnaval caririense.

Segundo o levantamento, foram 14 homicídios, seis mortes no trânsito, além de um suicídio, um tiro acidental e uma queda. Os municípios de Juazeiro do Norte, com oito homicídios, e Várzea Alegre, com cinco mortes no trânsito, foram os mais violentos.

Outros registros aconteceram em Brejo Santo, Barbalha, Missão Velha, Milagres, Jardim, Campos Sales e Mauriti. Chama a atenção, o grande número de homicídios em Juazeiro do Norte, uma média de dois por dia.

Nota: Prefeitura de Juazeiro desmente uso indevido de máquinas no PAC

A assessoria de imprensa da prefeitura de Juazeiro do Norte divulgou, na tarde dessa quarta-feira (18), uma nota oficial, onde desmente o uso indevido das máquinas doadas pelo Governo Federal, através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Na nota, a prefeitura diz que as máquinas estavam a serviço do Município, sendo utilizadas para a limpeza de uma área, onde será construído um pólo industrial. As máquinas estariam trabalhando na abertura de vias para facilitar o acesso ao local.

Sobre a empresa “AC Imóveis e Engenharia”, a nota informa que o terreno da empresa está localizado ao lado. Diz, ainda, que a prefeitura já está adquirindo a área para a construção de 630 casas populares, pelo Programa “Minha Casa, Minha Vida”, além de uma creche e uma escola em parceria com o Governo Federal.

Por fim, a nota esclarece que não houve nenhuma utilização irregular de bens públicos para beneficiar particulares.

Prefeituras se preparam para mais perdas no FPM

A maioria dos prefeitos do Cariri deve voltar do Carnaval pensando em como darão continuidade as suas gestões. Além de várias investigações do Ministério Público e as cobranças do Tribunal de Contas dos Municípios, agora os gestores terão que aumentar suas preocupações com o FPM.

Depois de um alivio com o aumento de 1,72% em janeiro, veio a má notícia: em fevereiro a redução será de 9,43%. É ressaca pra muito tempo. Isso porque a grande maioria das gestões do Cariri tem uma arrecadação irrisória e desenvolveram uma enorme dependência do FPM.

Segundo a assessoria da Aprece (Associação dos Prefeitos do Ceará), a expectativa para o ano é de mais perdas, mesmo com a estimativa de crescimento de 3% a 5%. O problema é que a inflação para o período está estimada em 7%. Chegou a hora das prefeituras profissionalizarem as gestões, sob pena entrar em colapso financeiro.

Obra do “Cinturão das Águas” em Jati é denunciada por poluição ambiental

Moradores das proximidades do Açude do Sitio Beleza, no Município de Jati, formalizaram denúncia contra o “Consórcio Água do Ceará”, responsável pela construção do Cinturão das Águas, no trecho CAC-21, por poluição ambiental. Os moradores acusam, também, a Secretaria de Recursos Hídricos do Ceará (SRH) de descaso com a obra.

Segundo a denúncia, feita na ouvidoria da SRH, a empresa despeja os resíduos que sobram da obra nas margens do açude. Os caminhões betoneiras estariam, inclusive, invadindo propriedades particulares para fazer o despejo dos restos de concreto. A água é usada por moradores e animais.

A denúncia aponta, ainda, que os trabalhadores descartam os depósitos de marmitex (folha de alumínio) e sacos plásticos no meio ambiente; além da ausência de banheiros químicos, fazendo com que os funcionários façam suas necessidades a céu aberto.

Segundo o senhor Francisco Furtado, um dos denunciantes, a denúncia foi formalizada em dezembro de 2014 e, até agora, nada foi feito para resolver o problema. Agora, a comunidade ameaça denunciar o caso ao Ministério Público do Estado (MPCE).

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Cariri Oeste: falta água e dinheiro

Os prefeitos dos municípios do chamado Cariri Oeste estão se mobilizando para discutir soluções de combate a seca e escassez de recursos na região. O movimento que pretende reunir entidades não governamentais, sindicatos, entidades de classes, entre outros, já conta com apóio dos prefeitos de Santana do Cariri, Nova Olinda, Altaneira, Assaré, Antonina do Norte, Potengi e Araripe.

A ideia é discutir, além do agravamento com a estiagem e o colapso no abastecimento de água, a redução do FPM, tarifa de iluminação pública, transporte escolar e a liberação dos recursos do estado para a compra de medicamentos.

Os temas devem ser discutidos numa audiência pública a ser realizada no próximo dia 27 em local a ser definido. Parece que os gestores tentam envolver a sociedade na problemática dos municípios. Pode dar certo!

(Com informações de Amauri Alencar).

Greve branca de vereadores em Milagres

Na Câmara de Milagres aconteceu um fato mais que inusitado. Seis dos 11 vereadores da Casa faltaram à sessão no mesmo dia. O detalhe é que todos eles pertencem ao PMDB. A situação acabou chamando a atenção da população que não amenizou as criticas ao parlamento municipal. Entre as brincadeiras mais frequentes, uma diz que os parlamentares faltaram à sessão em solidariedade e apoio a greve dos agentes do Demutran local.

Quanto à sessão, quem esperava que ela fosse suspensa, acabou se surpreendendo positivamente. Mesmo sem validade legal, por falta de quórum, a sessão foi realizada com seguidos pronunciamentos dos vereadores presentes. Até agora não se sabe o que motivou a revoada dos vereadores. Resta esperar a próxima sessão para saber o motivo da greve branca.

(Com informações e foto do site OKariri.com).

Ex-prefeito de Mauriti pode devolver mais de R$ 87 mil

A procuradoria Geral do Município de Mauriti ingressou com Ação de Ressarcimento, com pedido de Liminar de indisponibilidade de bens do ex-prefeito Márcio Martins. Além da ação encaminhada à Vara Única da Comarca local, a procuradoria entrou com uma representação, junto ao Ministério Público Federal (MPF), também, contra o ex-prefeito.

O corpo jurídico da atual administração tenta responsabilizar o ex-gestor pela devolução de R$ 87.471,73. O valor é referente a convênio firmado em 2002, junto ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS), por meio da Diretoria Executiva do Fundo Nacional de Assistência Social, para construção de duas creches no valor total de R$ 129.400,00.

Nas peças judiciais, o município ressalta o descaso do ex-prefeito no recebimento, aplicação e prestação de contas dos recursos. Segundo a ação encaminhada ao MPF, a má gestão dos recursos “põe em xeque a seriedade de um projeto que deveria representar muito para a comuna local”.

Segundo relatório de fiscalização do MDS, foram constatadas irregularidades tanto na prestação de contas, quanto na aplicação dos recursos recebidos pelo, então, prefeito Marcio Martins. Agora a Diretoria do Fundo Nacional, exige da prefeitura a devolução dos recursos.

O MDS comunicou a prefeitura da cobrança por meio de ofício enviado em setembro de 2014. Na comunicação o MDS alega que o Município, na gestão de Marcio Martins, deixou de apresentar notas fiscais, comprovando os gastos para a construção das duas creches.

A Diretoria de Fiscalização do MDS acusa, ainda, o Município de não aplicar a contrapartida do Município em sua totalidade. Segundo a fiscalização o Município empregou apenas R$ 2.640,81 de um total de R$ 68.600,00.

A atual gestão do prefeito Evanildo Simão, acredita que o Município não pode ser responsabilizado a devolver os recursos e sim o ex-prefeito Marcio Martins. Segundo a atual gestão “a conduta do ex-prefeito violou várias disposições normativas, já que causou inconteste prejuízo ao município e a União”.

Baseada no seu relatório de fiscalização, o MDS já pediu a inclusão do município como inadimplente perante o cadastro SIAFI. Com a inclusão o Município não pode conveniar ou mesmo contratar com o Governo Federal.

Procurado para comentar o assunto, o ex-prefeito Marcio Martins disse que ainda não foi notificado sobre o caso, mas acredita que as denúncias não têm fundamento. Na avaliação do ex-prefeito, caso exista realmente, o caso já prescreveu. Marcio Martins disse não lembrar do convênio, nem sobre a sua aplicação. “São mais de 10 anos e não tenho como lembrar, já que, eram muitos os convênios,” disse o ex-prefeito.

O ex-prefeito acusa, ainda, a atual administração de perseguição política. Para ele, a atual gestão tenta desgastá-lo junto à população para minar futuras pretensões políticas no Município.

Escola cercada de arrame farpado em Jati

A prefeitura de Jati proporcionou na última semana uma dessas perolas administrativas. Ela teve uma de suas escolas da zona rural cercada com arame farpado pelo antigo proprietário do terreno. E o pior: além dos alunos e professores ficarem sem acesso, o dono é quem tem razão. Ele vendeu o terreno para prefeitura que construiu a escola. Até aí tudo, o problema é que a prefeitura não pagou o valor do terreno comprado em 2013.

O proprietário pediu a compreensão da comunidade escolar, mas não pode sofrer o calote. A prefeita Maria de Jesus, não cumpriu com o prometido. O proprietário reclamou de não ter sido, sequer, convidado para inauguração da escola. Agora a prefeitura precisa desembolsar os R$ 60 mil devidos para ter a escola de volta. “Seria cômico, se não fosse trágico!”

Prefeita de Tarrafas obediente ao MP

Depois de ver a clara possibilidade de anulação do Concurso Público do Município, a prefeita de Tarrafas, Maria Girleuda, acatou integralmente a recomendação do Ministério Público do Estado. O promotor Davi Carlos Fagundes Filho solicitou a imediata anulação do edital por suspeitas de fraudes. Ele recomendou ao município algumas alterações para que o pleito ocorresse com lisura.

Depois de cumprir as recomendações, o município estabeleceu um novo cronograma atividades para o concurso, como a abertura de novo período de inscrições com, no mínimo, 30 dias corridos, mantendo as inscrições efetivadas. A prefeita mexeu, ainda, nos vencimentos base dos aprovados do concurso. Parece que a prefeita queria remunerar os concursados como faz com os contratados. Acabou entendendo que existe regra.

Araripe: Casa do Cidadão pode fechar

A população de Araripe está aflita com a possibilidade de fechamento da sua Casa do Cidadão. Em funcionamento desde 1998, a Casa presta serviços de emissão de segunda via de documentos, além de assistência jurídica, com defensoria pública, encaminhamentos para exames de DNA, Balcão da Micro Empresa, entre outros. Vale salientar que todos esses serviços são disponibilizados de graça.

E a falta de dinheiro é justamente o motivo para o fechamento. O prefeito Humberto Germano diz que a queda na arrecadação inviabilizou o funcionamento da Casa. Ou seja, o povo quer o serviço e o prefeito diz não ter dinheiro para manter. A discussão ainda deve ganhar corpo nas ruas e na Câmara Municipal. É claro, só não pode demorar muito, afinal de contas, o povo é quem está perdendo.

Enquanto isso na Região do Cariri...

Em Assaré já se iniciaram os preparativos para as comemorações dos 106 anos do poeta Patativa do Assaré. Personalidades do sertão cearense serão homenageadas durante a “XI Patativa do Assaré de Arte e Cultura”. O evento acontece entre os dias 3 e 5 de março e promete muitas manifestações culturais. O poeta merece!

Já em Mauriti, a prefeitura já iniciou a manutenção da iluminação pública do Município. Os serviços devem passar a ser de responsabilidade das prefeituras. A administração de Mauriti se antecipa e assume o serviço, cumprindo determinação federal enviada a todas as gestões municipais.

Ainda em Mauriti, o prefeito Evanildo Simão, depois de ter sido eleito vice-presidente da Associação dos Prefeitos do Ceará (Aprece), foi convidado para compor a direção executiva da Associação Brasileira de Municípios (ABM). O convite foi formalizado na última semana e o prefeito já aceitou o desafio.

E os caririenses estão aliviados com as constantes chuvas que caem na região nos últimos dias. As chuvas chegaram para banhar os foliões e espera-se que contribuam para o aumento no volume dos reservatórios. Afinal, haja água para curar tanta ressaca.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Cariri já registra o Carnaval mais violento dos últimos anos

A região do Cariri, em apenas dois dias já superou, em 14%, todo o Carnaval do ano passado em mortes violentas. Segundo balanço, não oficial, do site Miséria, foram 14 óbitos somente entre o sábado e o domingo de Carnaval.

Foram registrados seis homicídios, cinco mortes no trânsito, um suicídio, uma vitima de queda e uma vitima de tiro acidental. Os casos aconteceram em Várzea Alegre (cinco mortes), Brejo Santo (duas), Barbalha (duas), Juazeiro do Norte (duas) e mais Milagres, Jardim e Missão Velha, cada uma com um caso.

O balanço oficial do Carnaval será divulgado nessa quarta-feira de cinzas. Mas, a expectativa é que esse seja o Carnaval mais violento dos últimos 10 anos.

PF prende máquinas do PAC em Juazeiro do Norte

Na manhã dessa segunda-feira (16), a Polícia Federal (PF) apreendeu em Juazeiro do Norte, três caminhões caçambas e um trator, doados ao Município pelo PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). Eles estavam sendo utilizados na limpeza de um terreno particular nas proximidades do Rio Salgadinho.

Segundo o agente federal e vereador Cláudio Luz (PT), que atendeu a ocorrência, à denúncia chegou através de um telefonema para delegacia da PF. Segundo informações, a área pertence à empresa “AC Imóveis”, de Fortaleza e está destinada a construção de um loteamento e de casas populares.

Três servidores da Prefeitura e um prestador de serviço, que operavam as máquinas, foram detidos para interrogatório e, em seguida, liberados. As máquinas continuam no pátio da PF em Juazeiro do Norte.


O dono na empresa e o secretário de obras do Município, não foram localizados para falar sobre o assunto.

Cariri realiza Carnaval sem apoio das prefeituras

As cidades da região do Cariri estão realizando os festejos de Carnaval sem o apoio, nem patrocínio das administrações públicas. As prefeituras obedecem à orientação do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) e do Ministério Público do Estado, que alegam dificuldade financeira e grave crise hídrica com a estiagem.

Mas, a decisão das gestões, em comum acordo com os órgãos de fiscalização, não impediu as iniciativas individuais para garantir a folia. Grupos de cultura popular ganham as ruas em substituição as tradicionais escolas de Sampa. No mais, vale a animação dos foliões nos balneários e bares das cidades.

Por outro lado, as prefeituras, através dos seus Departamentos de Municipais Trânsito e as Policiais Militar, Civil e Rodoviárias, desenvolvem operações de Carnaval em toda a região. A ideia é garantir a segurança dos foliões.

São várias blitz espalhadas pelas vias de entrada e saídas dos municípios. E o maior reforço está sendo destinado para as cidades de Várzea Alegre e Mauriti, que realizam a festa com apoio da iniciativa privada.

Tragédia no trânsito

A nota triste aconteceu na tarde do domingo (15), quando um carro de passeio se chocou de frente com um ônibus da empresa Guanabara que seguia de Fortaleza para Juazeiro do Norte.

Os cinco ocupantes do veículo de passeio, um ônix, com placas de Juazeiro do norte, não resistiram aos ferimentos e chegaram a óbito. Eram dois adultos, um adolescente e duas crianças, quatro da mesma família.

O acidente aconteceu nas proximidades da cidade de Várzea Alegre e chovia muito na hora do ocorrido. O condutor do veículo, Adailton Pires, de 31 anos, já foi gerente da agencia da Caixa Econômica Federal de Várzea Alegre. Entre os ocupantes do ônibus apenas ferimentos leves.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Secretário de Zé Leite responde por receptação de carro clonado

O prefeito de Barbalha, José Leite Gonçalves Cruz, o Zé Leite (PT), nomeou para seus quadros funcionais, em cargo de confiança, o ex-candidato a prefeito do município de Jardim, José Alvares Coutinho Júnior, conhecido como Júnior Coutinho. O líder político de Jardim responde por receptação de carro roubado. Apesar de não haver impedimento na lei, a contratação tem sido alvo de críticas.

No início de 2014, Júnior Coutinho foi preso em uma operação conjunta entre as policias do Ceará e Pernambuco, que encontrou em sua casa um veículo com placas clonadas. A operação foi comandada pelo Major Sobreira, então comandante da Companhia de Brejo Santo.

Júnior Coutinho atua na administração de Barbalha com duas nomeações. Na primeira, datada de janeiro de 2013, foi nomeado como coordenador de Desenvolvimento Rural e Abastecimento da Secretária de Desenvolvimento Agrário. Na segunda, Júnior Coutinho acumula o cargo de secretário adjunto, também, da Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Município. Para atuar nos dois cargos, Júnior Coutinho recebe R$ 5 mil. Além dos salários acumulados, existe o agravante de não exercer as funções na prática.

Mesmo após a notícia da prisão do coordenador e secretário adjunto de Desenvolvimento Agrário de Barbalha, o prefeito Zé Leite, manteve o colega petista nos dois cargos. Quando da prisão, em sua defesa, Júnior Coutinho teria mantido a versão de que foi vítima de uma armação, motivada por perseguição política. A investigação ainda espera relatório conclusivo.

O caso está sendo denunciado ao Ministério Público Federal (MPF) pelo ex-deputado estadual Giovanni Sampaio. Para Giovanni, o caso acabou sendo abafado, mas a população de Jardim e de Barbalha merecem receber os esclarecimentos sobre o acontecido. “Ele (Júnior Coutinho)
é político e, por isso, deve satisfação à sociedade acerca dos seus atos”, disse Giovanni.

Giovanni Sampaio ressaltou, ainda, que existem outras denúncias contra o petista, mas que só as revelará ao MPF. “Júnior Coutinho está, inclusive, sendo cotado para assumir a direção do escritório da Semace no Cariri, o que é um verdadeiro absurdo”, disse o ex--deputado.

Sobre a acusação de receptação, o prefeito Zé Leite afirmou desconhecer a situação. Mas, segundo ele, tomará uma atitude em caso do secretário adjunto estar julgado e condenado.
Sobre o acumulo de funções, Zé Leite garantiu que a possibilidade não existe. Ele ressaltou que confere a folha de pagamento da gestão pessoalmente.

Ainda sobre o acúmulo de função, a Procuradora Geral do Município, Ana Keive, ratificou a afirmação do prefeito Zé Leite, desconhecendo a prática e que, caso ela ocorresse, o secretário adjunto deveria optar entre uma das remunerações. “Ele poderia ser designado para outra função, mas sem o acréscimo da remuneração”, disse a procuradora.

Para a procuradora, pode haver um equivoco na informação, já que, de acordo com ela, Júnior Coutinho ocupou um cargo na gestão antes de ser nomeado secretário adjunto. O secretário adjunto não foi encontrado para comentar as denúncias.